http://www.tudoporaqui.com.br
Registro | Login
Localidade

Prestando Contas - 2014 Maio

Publicado em: 10/06/2014 por Maria Czernhak

Clique aqui ou nas fotos para iniciar o slideshow.

Chegou a vez de apresentamos o balancete do mës de Maio de 2014 do Hospital Beneficente São Roque.
Nova Prestação de Contas

Publicado em: 12/05/2014 por Maria Czernhak

Clique aqui ou nas fotos para iniciar o slideshow.

Nesta oportunidade a diretoria do Hospital Beneficente São Roque apresenta o balancete dos meses de Janeiro a Abril de 2014




 

Agradecimento e Prestação de Contas

Publicado em: 20/02/2014 por Maria Czernhak

Clique aqui ou nas fotos para iniciar o slideshow.

 

A diretoria do Hospital Beneficente São Roque agradece todas as famílias que estão colaborando mensalmente através da fatura de energia elétrica.

 

Até o momento 92% das famílias visitadas aderiram à campanha.

 

Os novos valores começarão ser  creditados na conta do Hospital a partir deste mês de fevereiro e serão demonstrados mensalmente através do balancete.

 

Tão logo termine a campanha, será publicada a lista das famílias e empresas contribuintes (também das não contribuintes).

 

Às famílias que ainda não foram visitadas, solicitamos que entrem em contato com o presidente ou algum outro membro da diretoria para que possamos fazer a visita o mais breve possível.

 

Agradecimento especial aos familiares de Sabino e Nair Locatelli pela doação de móveis usados no valor estimado de R$ 2.500,00 realizada durante o mês de janeiro/2014 e também ao Lions Clube de Arroio Trinta pela doação de novas roupas de cama no valor estimado de R$ 3.300,00 realizada no dia 04/02/14.

 

 

 

Com apoio de todos situação financeira começa a melhorar

Publicado em: 04/01/2014 por Maria Czernhak

  • Receitas e Despesas Setembro a Dezembro 2013
  • Movimentação Financeira Setembro a Dezembro 2013

Clique aqui ou nas fotos para iniciar o slideshow.

A campanha "Vamos Salvar Nosso Hospital" começa a dar os primeiros resultados.
 
Isto pode ser observado no balancete que hoje publicamos com informações comparativas de Setembro a Dezembro de 2013.
 
Com a contribuição de um grande número de pessoas, do Lions Clube, da Coopertrinta, da Igreja Matriz e da Prefeitura Municpal de Arroio Trinta, conseguimos encerrar o ano de 2013 com saldo em caixa no valor de R$ 10.348,56.
 
Embora positivo ele não é suficiente para quitar todas as dívidas existentes.
 
O resultado da festa de Réveillon/2013 a ser demonstrado no balancete de janeiro de 2014 contribuirá para quitar as dívidas de curto prazo, entretanto outras ainda permanecem. 
 
A direção agradece a todos que colaboraram até aqui e lembra que a campanha VAMOS SALVAR NOSSO HOSPITAL CONTINUA.
 
Receitas e Despesas Setembro a Dezembro 2013
Movimentação Financeira Setembro a Dezembro 2013
Presidente Cláudio Spricigo apresenta Balancetes do HBSR dos meses de set/out/nov-2013

Publicado em: 05/12/2013 por Maria Czernhak

  • Receitas e Despesas Set/Out/Nov-2013
  • Outras Informações ser/out/nov-2013

Clique aqui ou nas fotos para iniciar o slideshow.

Dentre as práticas de tornar transparente e público a situação financeira e de atividades do HBSR, seu atual presidente Cláudio Sprícigo coloca a apreciação dos associados e da comunidade em Geral o Balancete dos meses de Setembro, Outubro e Novembro de 2013.
Estas mesmas informações estarão disponíveis também na próxima edição do Jornal O CÓRREGO.
 
Acompanhem os números:
Receitas e Despesas Set/Out/Nov-2013
Outras Informações ser/out/nov-2013
Lançado a Campanha “VAMOS SALVAR O NOSSO HOSPITAL”.

Publicado em: 25/11/2013 por Maria Czernhak

AMIGOS DO HOSPITAL BENEFICENTE SÃO ROQUE DE ARROIO TRINTA

PARTIPEM DA CAMPANHA: “VAMOS SALVAR O NOSSO HOSPITAL”.

< Recebam os voluntários que estarão visitando todas as famílias e empresas arroiotrintenses cadastrando todos para que possam contribuir mensalmente através da fatura de energia elétrica.

< Você que ainda não contribui, participe desta campanha. Você que já contribui, se puder aumente um pouco mais a sua generosidade e juntos vamos salvar o nosso hospital.

< Lembre-se: sua contribuição é espontânea, não lhe isentando de taxas médico-hospitalares. A isenção somente será feita para os internamentos pagos pelo SUS.

< Se tiver sugestões, críticas ou pedidos de informações, procure os membros da diretoria e procure estar informado sobre o funcionamento do hospital.

<O Hospital Beneficente São Roque é dos Arroiotrintenses.

VAMOS SALVÁ-LO

Á Diretoria

REUNIÃO DEBATEU SOBRE OS RUMOS DO HOSPITAL BENEFICENTE SÃO ROQUE

Publicado em: 25/11/2013 por Maria Czernhak

A diretoria do Hospital Beneficente São Roque, realizou na noite do último dia 18, uma importante reunião, quando foi discutido a situação do Hospital que vem sofrendo sérios problemas financeiros. Participaram da reunião população em geral, prefeito, vice-prefeito, empresários, comerciantes, vereadores e secretários municipais.

                Durante a reunião foram apontados números que revelam um prejuízo de 5 a 7 mil reais mensais para a entidade, podendo esse aumentar com a inflação e o acréscimo do salário dos funcionários. Esse déficit, segundo o atual presidente da entidade Claudio Sprícigo, ocorre porque, o Sistema Único de Saúde (SUS), paga 11 internamentos por mês, não cobrindo a demanda dos munícipes.

“ Apenas no mês de Setembro foram 104 atendimentos, sendo que oito pagaram como particular, 24 através de convênio com a Unimed, nove pagos pelo SUS e 66 atendimentos na enfermaria que ninguém pagou”, esclarece ele. Na reunião foi lançada a campanha “Vamos Salvar Nosso Hospital”.

                Através dessa campanha, conforme o presidente todas as famílias arroiotrintenses serão visitadas e conscientizadas a colaborar. Se a ação for positiva o Hospital será mantido normalmente,caso contrário ele poderá ser fechado ou desvinculado do SUS o que, segundo Sprícigo,será um grande transtorno e prejuízo para a população arroiotrintense, que terá que deslocar para outros centros quando precisar de atendimentos hospitalares.

 

Grande Reunião em Prol do Hospital Beneficente São Roque acontece nesta Segunda-Feira - 18.11.2013

Publicado em: 18/11/2013 por Maria Czernhak

Nesta segunda-feira, 18.11.2013 a gestão do Hospital Beneficente São Roque de Arroio Trinta estará promovendo grande reunião com interessados e população em geral do município.
 
Reproduzimos adiante o convite para o evento que está sendo divulgado através dos meios de comunicação social desde o último dia 08.11.2013.
 
A presença do maior número possível de pessoas neste evento é muito importante.

 

Arroio Trinta – SC, 08 de novembro de 2013.

Prezado(a) Amigo(a) do Hospital Beneficente São Roque,


O HOSPITAL BENEFICENTE SÃO ROQUE, atende a comunidade arroiotrintense desde 1.947. Neste período, graças ao apoio de todos, sobreviveu às mais diversas dificuldades.

Nestes 66 anos de história, salvou vidas e amenizou o sofrimento de milhares de pessoas. Agora, infelizmente, está muito doente e corre risco de morte.

Através do presente estamos lhe convidando a participar de uma reunião de AMIGOS DO HOSPITAL a realizar-se conforme segue:

            DIA: 18 de novembro de 2013 (segunda feira)

            HORA: 20:00h. (oito horas da noite)

            LOCAL: Pavilhão da Igreja Matriz

PAUTA DA REUNIÃO:

a)     Apresentação dos balancetes financeiros dos meses de setembro e outubro de 2013, relação de contas a pagar, número de atendimentos mensais, etc.

b)    Esclarecimentos sobre o funcionamento do hospital e a associação mantenedora do mesmo;

c)     Debate sobre a possibilidade de desvinculação do SUS e outros assuntos pertinentes;

d)    Lançamento, ou não, da campanha: “VAMOS SALVAR O NOSSO HOSPITAL”.

 

Estamos esperando por você! Participe! Convide também outros AMIGOS DO HOSPITAL.

Cordialmente,

            A Diretoria

Novo Estatuto do Hospital Beneficente São Roque

Publicado em: 18/11/2013 por Maria Czernhak

Em Assembléia Geral realizada no dia 13 de setembro último com a presença de Associados aptos a deliberarem, foi aprovada a Segunda Alteração Estatutária do Hospital Beneficente São Roque que passa a ter a seguinte redação.

 

SEGUNDA ALTERAÇÃO DO ESTATUTO SOCIAL

 HOSPITAL BENEFICENTE SÃO ROQUE

 

CAPÍTULO I

DA DENOMINAÇÃO, SEDE, DURAÇÃO E FINS

 

Art. 1º. O Hospital Beneficiente São Roque, fundado em 1947, por Giacomelli Hercoli Comelli e Dr. Francisco Karam com os estatutos publicados no diário Oficial do Estado de Santa Catarina, em 05 de novembro de 1958, registrado no cartório de pessoas jurídicas da Comarca de Videira, sob o nº 20, do livro “A”, nº 1, fls. 50 a 52, com data de 20 de novembro de 1958. O Hospital Beneficente São Roque, congrega e representa toda a população do Município de Arroio Trinta para promoção da saúde coletiva.

 

Art. 2º. O Hospital Beneficente São Roque é constituído sob forma de associação, pessoa jurídica de direito privado, inscrito no CNPJ sob n. 83.830.083/0001-73, sem fins lucrativos, com duração por prazo indeterminado, que se regerá pelo presente estatuto e, nos casos omissos, pela lei geral.

 

Art. 3º. O Hospital Beneficente São Roque tem a sua sede social sito à Rua Francisco Nava, nº 112, Bairro Centro, Arroio Trinta, Santa Catarina, CEP: 89.590-000.

 

Art. 4º. O Hospital Beneficente São Roque tem por finalidades:

I – Contribuir para o desenvolvimento da saúde coletiva e pública no Município de Arroio Trinta;

II - Elevar a qualidade de vida humana por meio da assistência e atendimento à população arroiotrintense na área da saúde, incluindo a promoção de atividades científicas, culturais, educacionais e literárias nas áreas de saúde, meio­-ambiente, cidadania e desenvolvimento sócio-econômico;

III - Promover o debate e posicionar-se sobre os problemas e políticas públicas de saúde, orientados pelos princípios da equidade, integralidade e universalidade;

IV - Promover e estimular a formação técnico-científica e o aperfeiçoamento profissional dentro de área de atuação;

V - Proporcionar o atendimento a população arroiotrintense nas áreas da atenção básica, média e alta complexidade, visando à assistência integral à saúde, considerando os diferentes níveis de complexidade do Sistema Único de Saúde - SUS;

VI - Promover pesquisa e monitoramento científico na sua área de atuação;

VII - Elaborar, implementar e participar de projetos na área de sua atuação;

VIII - Participar de programas de assistência e cooperação técnica, bem como em pesquisas científicas nesses campos, desenvolvidas por entidades estatais ou particulares a nível nacional e internacional;

IX - Organizar, promover e participar em atividades culturais e educacionais, tais como: treinamentos, conferências, seminários, exposições e outras formas de divulgação dos avanços técnicos e científicos, em suas áreas de atuação;

X - Promover convites a colaboradores para a realização de trabalhos de pesquisas, conferências, seminários e outras atividades cientificas, educacionais e de informação pública;

XI - Cooperar com outras organizações e/ou instituições com objetivos similares;

XII - Captar recursos junto a instituições nacionais e internacionais, públicas e privadas, para financiamento de ações, projetos e/ou programas próprios ou de outras entidades com objetivos semelhantes aos do Hospital Beneficente São Roque;

XIII - Prestar serviços, produzir e vender produtos decorrentes de suas atividades, cujas receitas deverão ser aplicadas em projetos compatíveis com os objetivos sociais do  Hospital Beneficente São Roque, podendo, inclusive licenciar ou ceder marca e direitos autorais;

XIV - Contribuir, por todos os meios ao seu alcance, para que a sociedade arroiotrintense tenha pleno acesso à saúde;

XV - Apoiar e desenvolver ações para a defesa, elevação e manutenção da qualidade de vida da sociedade arroiotrintense, através das atividades de educação, profissional, especial e ambiental;

XVI - Promoção de ética, da paz, da cidadania, dos direitos humanos, da democracia e de outros valores universais;

XVII - Buscar recursos financeiros através de instituições públicas e privadas, dos diversos âmbitos (Federal, Estadual e Municipal), através de convênios e subvenções sociais, a fim de atender com as suas finalidades;

XVIII - Defender a vida e a saúde, sem distinção de qualquer espécie, dentro de suas finalidades e possibilidades;

XIX - Desenvolver quaisquer outras atividades eventualmente necessárias à realização dos objetivos da associação.

 

Art. 5º. O Hospital Beneficente São Roque, não distribui entre os seus sócios ou associados, conselheiros, empregados ou doadores eventuais excedentes operacionais, brutos ou líquidos, dividendos, bonificações, participações ou parcelas do seu patrimônio, auferidos mediante o exercício de suas atividades, e os aplica integralmente na consecução de suas finalidades.

 

Art. 6º. No desenvolvimento de suas atividades, o Hospital Beneficente São Roque, observará os princípios da legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade, economicidade e da eficiência e não fará qualquer discriminação de raça, cor, gênero ou religião, nem se envolverá em questões religiosas, politicopartidárias ou quaisquer outras que não se coadunam com seus objetivos institucionais.

Parágrafo único. O Hospital Beneficente São Roque se dedica às suas atividades por meio da execução direta de projetos, programas ou planos de ações, por meio da doação de recursos físicos, humanos e financeiros, ou prestação de serviços intermediários de apoio a outras organizações sem fins lucrativos e a órgãos do setor público nas diversas esferas de governo, que atuam em áreas afins.

 

Art. 7º. O Hospital Beneficente São Roque, disciplinará seu funcionamento por meio de Instruções Normativas, emitidas pela Assembléia Geral, e Instruções Executivas, emitidas pela Diretoria e Conselho Fiscal.

 

CAPÍTULO II

DA ESTRUTURA DE ADMINISTRAÇÃO

 

SEÇÃO I

DISPOSIÇÕES GERAIS

 

Art. 8º. A associação será administrada por:

I - Assembléia Geral;

II – Diretoria;

III - Conselho Fiscal.

Parágrafo único - Nenhum membro da Administração da Associação poderá receber remuneração pelo exercício do cargo, nem serão distribuídos lucros, dividendos, bonificações ou vantagens aos seus participantes ou associados, sob qualquer forma ou pretexto.

 

SEÇÃO II

ASSEMBLÉIA GERAL

 

Art. 9º. A Assembléia Geral, órgão máximo e soberano da Instituição, se constituirá de todos os sócios em pleno gozo de seus direitos estatutários.

 

Art. 10º. Compete à Assembléia Geral:

I - Eleger e destituir a Diretoria e o Conselho Fiscal;

II - Decidir sobre reformas do Estatuto;

III - Decidir sobre a extinção da associação e dar destino ao seu patrimônio;

IV - Decidir sobre a conveniência de alienar, transigir, hipotecar ou permutar bens patrimoniais;

V - Promover a admissão, demissão e exclusão de associados, por justa causa, reconhecida em procedimento assegurado o direito ao contraditório, ampla defesa e recurso;

VI - Discutir e aprovar o balanço anual e demais relatórios financeiros de exercício anterior e o orçamento e plano anual de trabalho para o novo exercício;

VII - Emitir instruções normativas para funcionamento interno da associação.

 

Art. 11º. A Assembléia Geral se realizará, ordinariamente, uma vez por ano para:

I - Aprovar a proposta de programação anual da associação, submetida pela Diretoria;

II - Apreciar o relatório anual da Diretoria;

III - Discutir e homologar as contas e o balanço aprovados pelo Conselho Fiscal;

IV - Examinar outras matérias pertinentes.

 

Art. 12º. A Assembléia Geral se realizará, extraordinariamente, quando convocada:

I – Pela Diretoria;

II - Pelo Conselho Fiscal;

III - Por requerimento de 1/5 ( um quinto), dos associados quites com as obrigações sociais.

 

Art. 13º. A convocação da Assembléia Geral será feita por meio de edital afixado na sede da associação e/ou publicado na imprensa local, por circulares ou outros meios convenientes, com antecedência mínima de 05 (cinco) dias.

Parágrafo único: Qualquer Assembléia Geral se instalará em primeira convocação com 2/3 ( dois terços) dos associados e, em segunda convocação meia hora depois, com qualquer número.

 

Art. 14º. As deliberações da Assembléia Geral serão tomadas por maioria simples de voto dos associados presentes, com exceção das deliberações referentes aos incisos I, II, III e V, do artigo 10, deste estatuto, quando será exigido o voto concorde de 2/3 (dois terços) dos presentes à assembléia especialmente convocada.

 

Art. 15º. A Associação adotará práticas de gestão administrativa, necessárias e suficientes, a coibir a obtenção, de forma individual ou coletiva, de benefícios e vantagens pessoais, em decorrência da participação nos processos decisórios.

 

SEÇÃO III

DA DIRETORIA

 

Art. 16º. A Associação será administrada por uma Diretoria, eleita em Assembléia Geral, com mandato de 02 (dois) anos, podendo ser reeleita, constituído de:

I - Presidente;

II - Vice-Presidente;

III – 1º Secretário;

IV – 2º Secretário;

V – 1º Tesoureiro;

V – 2º Tesoureiro;

 

Art. 17º. Compete a Diretoria:

I - Elaborar e submeter à Assembléia Geral a proposta de programação anual da associação;

III - Executar a programação anual de atividades da associação;

III - Elaborar e apresentar à Assembléia Geral o relatório anual;

IV - Reunir-se com instituições públicas e privadas para mútua colaboração em atividades de interesse comum;

V - Contratar e demitir funcionários;

VI - Regulamentar as Instruções Normativas da Assembléia Geral e emitir Instruções Executivas para disciplinar o funcionamento interno da Instituição;

VII - Elaborar o projeto de reforma deste Estatuto, a ser submetido à Assembléia Geral.

 

Art. 18º. A Diretoria se reunirá sempre que necessário para debater o andamento das atividades da associação e tratar de assuntos de interesse dos associados.

 

Art. 19º. Compete ao Presidente:

I - Representar a Associação ativa e passivamente, judicial e extrajudicialmente;

II - Cumprir e fazer cumprir este Estatuto;

III - Presidir a Assembléia Geral;

IV - Convocar e presidir as reuniões da Diretoria;

V - Coordenar a substituição por vacância nos cargos da Diretoria e Conselho Fiscal;

VI - Levar a decisão da Diretoria as matérias não previstas neste estatuto;

VII - Nomear e constituir procuradores, substabelecer poderes;

VIII - Designar, punir e demitir empregados da Associação;

IX - Abrir e movimentar, juntamente com o Tesoureiro, conta corrente – Pessoa Jurídica, em nome da Associação;

X - Assinar as convocações, avisos e correspondências da entidade;

XI – Celebrar convênios e realizar a filiação da associação a instituições ou organizações congêneres.

Parágrafo único: O Presidente nos seus impedimentos temporários será substituído pelo Vice-presidente e este pelo 1º Secretário, que por sua vez, no caso de seu impedimento temporário, será substituído pelo 1º Tesoureiro.

 

Art. 20º. Compete ao Vice- Presidente:

I - Substituir o Presidente em suas faltas ou impedimentos;

II - Assumir o mandato, em caso de vacância, até o seu término;

III - Prestar, de modo geral, sua colaboração ao Presidente;

IV - Substituir o Secretário em suas faltas ou impedimentos;

V - Substituir o Tesoureiro em suas faltas ou impedimentos;

VI - Assumir o mandato de Tesoureiro, em caso de vacância, até a eleição do novo, que deverá se dar no prazo de 30 (trinta) dias do fato gerador.

 

Art. 21º. Compete ao 1º Secretário:

I- Secretariar as reuniões do Conselho Fiscal e Assembléia Geral, redigindo e assinando as respectivas atas juntamente com o Presidente;

II - Ter sob sua guarda toda a documentação pertinente, arquivos e outros, organizando os trabalhos da secretaria.

Parágrafo único:  Compete ao 2º secretário substituir o primeiro em suas faltas ou impedimentos.

 

Art. 22º. Compete ao 1º Tesoureiro:

I - Arrecadar e contabilizar as contribuições dos associados, rendas, auxílios e donativos, mantendo em dia a escrituração da Instituição;

II- Pagar as contas autorizadas pelo Presidente;

III- Apresentar relatórios de receitas e despesas, sempre que forem solicitados;

IV- Apresentar ao Conselho Fiscal a escrituração da associação, incluindo os relatórios de desempenho financeiro e contábil e sobre as operações patrimoniais realizadas;

V- Conservar, sob sua guarda e responsabilidade, os documentos relativos à tesouraria e;

VI - Manter todo o numerário em estabelecimento oficial de crédito.

Parágrafo único: Compete ao 2º tesoureiro substituir o primeiro em suas faltas ou impedimentos.

 

SEÇÃO IV

DO CONSELHO FISCAL

 

Art. 23º. O Conselho Fiscal será constituído por três membros titulares, eleitos pela Assembléia Geral.

Parágrafo único - O mandato do Conselho Fiscal será coincidente com o mandato da Diretoria.

 

Art. 24º. Compete ao Conselho Fiscal:

I - Examinar os livros de escrituração da associação;

II- Opinar sobre os balanços e relatórios de desempenho financeiro e contábil e sobre as operações patrimoniais realizadas, emitindo pareceres para os organismos superiores da entidade;

III- Requisitar ao Tesoureiro, a qualquer tempo, documentação comprobatória das operações econômico-financeiras realizadas pela Instituição;

IV - Acompanhar o trabalho de eventuais auditores externos independentes;

V - Convocar extraordinariamente a Assembléia Geral.

Parágrafo único - O Conselho Fiscal se reunirá ordinariamente a cada 03(três) meses e, extraordinariamente, sempre que necessário.

 

CAPÍTULO III

DOS ASSOCIADOS

 

Art. 25º.  O Hospital Beneficente São Roque é constituído por número ilimitado de associados, distribuídos nas seguintes categorias:

I - Associados natos: pessoas físicas que, identificadas com os objetivos da entidade, solicitarem seu ingresso e expressarem suas intenções de empenhar seus melhores esforços na colaboração com as metas e objetivos sociais estabelecidos.

II - Associados beneméritos: são associados contribuintes com donativos e doações que, pela elaboração ou prestação de relevantes serviços às causas da Instituição, fizerem jus à este título emitido pela Diretoria.

III - Associados fundadores: os que participaram da Assembléia Geral de Fundação da Associação e assinaram a Ata da Fundação, ou tenham recebido este título pela Diretoria, por equiparação a fundador em substituição a associado fundador que tenha deixado a associação.

 

Art. 26º. A Admissão de associados se processará da seguinte forma:

Informativo das Ações Realizadas pelo Hospital em 2012

Publicado em: 22/01/2013 por Maria Czernhak

O hospital Beneficente São Roque,  informa a toda a população e assim declara para devidos fins que no período correspondente a 01 de janeiro de 2012 a 31 de dezembro de 2012 foram prestados os seguintes atendimentos:

 

1.256

Hum mil duzentos e cinquenta e seis)

Internações e Observações

784  

Setecentos e oitenta e quatro)

Atendimento Ambulatorial

1.503  

Hum mil quinhentos e três

Consultas

4.640

Quatro mil seiscentos e quarenta

Refeições Servidas

Além do número de atendimentos já informados há outras atividades desenvolvidas individualmente em cada tipo de atendimentos pelos profissionais de enfermagem, secretaria, lavanderia, higienização e farmácia, os quais  não foram relatados devido aos números incontáveis.

Os dados contidos nesta declaração podem ser confirmados mediante registro internos descritivos dos atendimentos.

  

Arroio Trinta, 22 de janeiro de 2013.

 

Um pouco de cada um para fazer o bem a todos

Publicado em: 26/10/2012 por Maria Czernhak

Um pouco de cada um para fazer o bem a todos

Propositadamente colocamos uma pequena foto de Arroio Trinta, e até pouco nítida.

Fizemos isto para dizer que até cuidamos da nossa saúde, mas realmente damos atenção a ela quando precisamos de algum tratamento mais sério, ou de uma emergência, quando daí sim recorremos aos profissionais e locais certos.

Pois é, em Arroio Trinta, fazendo parte da estrutura local de atenção a saúde, em especial no que diz respeito a repouso e outros cuidados que aqui podem ser prestados temos  O Hospital Beneficente São Roque.

Como o próprio nome diz, ele é Beneficente, isto quer dizer, é uma entidade sem fins lucrativos, e embora não vise lucros mas sim atendimento da população que dele necessita, precisa ser mantido.

E para mante-lo, um pouquinho de cada um ajudará muito a todos.

Uma das maneiras de cada um contribuir com um pouquinho, é autorizar uma doação através da conta de luz.

É muito fácil:

1 - Decida o valor da sua contribuição que pode ser R$ 8,00; 10,00, 15,00, 20,00 ou R$ 25,00.

2 - Autorize a Celesc a fazer a cobrança do valor na sua conta de Energia Eletrica.

Outra maneira é fazendo doações de quantias maiores, para isto entre em contato conosco pessoalmente, por telefone ou por e-mail.

 

Fazendo assim Você estará contribuindo para que o Hospital esteja sempre disponível para quem dele precisa.

 

Ações para garantir a continuidade do Hospital Beneficente São Roque

Publicado em: 26/10/2012 por Maria Czernhak

Ações para garantir a continuidade do Hospital Beneficente São Roque

Para resolver qualquer situação primeiro é preciso conhecer a realidade.

Assim diante da manchete -

“Situação financeira do Hospital Beneficente São Roque foi exposta na última terça(23.10) na Câmara de Vereadores de Arroio Trinta”

 

Após a sessão ordinária da última terça-feira, o Legislativo Municipal, realizou uma sessão direcionada que focou a situação financeira do Hospital Beneficente São Roque, com a presença de munícipes, lideranças de entidades, prefeito e direção do Hospital.

Na oportunidade foi colocado em tribuna livre a real situação da entidade, que além de necessitar de melhorias em sua estrutura física e aquisições de novos equipamentos, encontra-se com déficit financeiro.

O diretor clinico, Hélio Renato Martins Fogliatto, relatou a importância de manter o Hospital funcionando já que 90% dos casos levados até ele são resolvidos ali mesmo, não necessitando o deslocamento de pacientes para outros centros.

O presidente licenciado Alexandre Seriguelli, também focou a grande necessidade de manter a entidade com as portas abertas, levando-se em conta as pessoas que necessitam ficar internadas.

O prefeito Claudio Sprícigo, colocou números de auxílio que a Prefeitura repassa mensalmente num montante de 20 mil reais e salientou que no orçamento do próximo ano está previsto um repasse de maior valor.

Lídio Sprícigo, contador do hospital, fez a leitura da planilha de receitas e despesas do mesmo.

Num primeiro momento ficou definido que será reforçada a campanha que existe já há algum tempo através da fatura de energia elétrica, a qual receberá ampla divulgação através da imprensa e outros meios de comunicação, bem como de lideranças e entidades locais.

Estão sendo estudadas outras formas de angariar recursos, e assim que estiverem disponíveis serão divulgadas.